Protocolos de Diretrizes de Biossegurança - Grupo UNIP-Objetivo | Colégio Objetivo

Veja a versão completa

3.3 Diretrizes para o Ensino Fundamental, Médio e Pré-vestibular
3.3.1 Distanciamento social
a) Organizar a entrada e a saída para evitar aglomerações, preferencialmente fora dos horários de pico do transporte público;
b) Recomenda-se orientar estudantes para evitar tocar nos bancos, portas, janelas e demais partes dos veículos do transporte escolar;
c) Limitar o número de alunos e fazer rodízios entre grupos no uso de laboratórios, respeitando o distanciamento de 1,5 metro e mantendo o uso de máscaras;
d) Escalonar liberação para o almoço e refeições para garantir o distanciamento de 1,5 metro é recomendável;
e) Deve-se recomendar aos gestores de refeitórios e cantinas garantirem distanciamento mínimo de 1,5 metro nas filas e proibir aglomeração nos balcões, utilizando sinalização no piso;
f) As refeições devem ser servidas em pratos montados. Recomenda-se proibir o autosserviço (self-service);
g) Priorizar o ensino remoto aos alunos que fazem parte do chamado grupo de risco;
h) As classes onde estejam matriculados alunos com necessidades especiais que impeçam o uso adequado de máscaras deverão considerar um distanciamento mínimo de 2 metros entre os alunos ou, alternativamente, em comum acordo com os pais, mantê-los na modalidade de ensino remoto.

3.3.1.1 Distanciamento social para as unidades do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Pré-vestibular situadas no estado de São Paulo

Em consonância com o Artigo 3º do Decreto Estadual nº 65.849, de 6 de julho de 2021, durante a vigência da medida de quarentena de que trata o Decreto nº 64.881, de 22 de março de 2020, as aulas e demais atividades presenciais nas unidades do Ensino Fundamental e Ensino Médio localizadas no território estadual respeitarão os seguintes parâmetros:

I - observância de distância mínima de 1 (um) metro entre pessoas, em todos os ambientes escolares, inclusive naqueles de acesso comum, para o desenvolvimento de quaisquer atividades;

II - planejamento das atividades em conformidade com a capacidade física da unidade escolar, admitindo-se o escalonamento de horários de entrada, saída e intervalos.

20